Como é que as Casas de Apostas se tornaram mainstream em Portugal?

Em 2015 o mundo das apostas em Portugal mudou completamente. Foi o momento quando a Betclic entrou no mundo das casas de apostas, quebrando a hegemonia nessa indústria da Santa Casa de Misericórdia. Aliás, apostar em eventos desportivos portugueses se resumia ao Totobola e mais tarde ao Placard. Os clássicos boletins de aposta com o clássico 1X2 do Totobola fazem parte do panorama desportivo português durante os últimos 60 anos enquanto o Placard foi lançado em Setembro de 2015. Justamente no mesmo ano quando o Serviço de Regulação de Inspeção de Jogos (SRIJ) emitiu uma licença à Betclic, tornando a casa da aposta legal e uma concorrência legítima à Santa Casa de Misericórdia.

As Casas de Apostas em Portugal Pré-2015

Hoje em dia, há uma abundância de casas de apostas em Portugal. Os canais de televisão emitem anúncios regularmente e as casas de apostas patrocinam as mais importantes ligas desportivas no país. Em Maio de 2021 foi anunciado que a Bwin fora o novo patrocinador da Liga Portugal a troca de 7 milhões de Euros por época. A empresa austríaca, previamente conhecida como Bet and Win ganhou notoriedade em Portugal por ter patrocinado a liga de futebol principal em 2005, a Liga Bwin. Mas uma ação judicial por parte da Santa Casa resultou no fim da parceria entre a Liga Portugal e a Bwin em 2008. A alegação foi que a Bwin não tinha uma licença válida para exercer a função de casa de apostas e a justiça concordou. Portanto, a marca desapareceu em Portugal - seguiu ativa em vários países incluíndo a Alemanha e Espanha - de um dia para outro e somente voltou a aparecer em 2021.

As Casas de Apostas Portugal Pós-2015

O Serviço de Regulação de Inspeção de Jogos (SRIJ) foi criado pela Santa Casa de Misericórdia para regular e legitimar as casas de apostas em Portugal. Ao contrário do Brasil onde não se questiona a legalidade das casas das apostas porque não existe legislação nesse sentido, portanto é totalmente aceito. Portanto, qualquer casa de apostas que queira trabalhar em Portugal tem que conseguir uma licença através da SRIJ. Como mencionamos antes, a Betclic foi a primeira a conseguir se legitimar e operar em Portugal em 2015 - o mesmo ano em que foi inaugurado a Placard pela Santa Casa. Hoje em dia, existem 10 casas de apostas fiáveis no país - Bwin (ex-Bet.pt), Betclic, Betway, Solverde, Nossa Aposta, Casino Portugal, Luckia.pt, Placard, ESC Online e Betano.pt. Aqui na Betting.com temos pareceria com quatro dessas empresas, mas o conceito é trabalhar com todas no futuro. No entanto, a comodidade de apostar online está a entusiasmar os portugueses e a maioria das casas de apostas mencionadas têm uma app ou versão para telemóvel. Portanto, a Betting.com poderá ser uma ferramenta útil para quem tem contas com várias casas de apostas e quer comparar as odds.

As Casas de Apostas e o Futebol

Hoje em dia as casas de apostas são mais prevalentes do que nunca quando se trata do desporto português e em particular, o futebol. Como já mencionamos, a Primeira Liga tem uma parceria com a Bwin desde a temporada 2021-22 e é denominada a Liga Portugal Bwin. Aliás, a Bwin comprou a Bet.pt em 2021 por 60 milhões de Euros mas a alteração da marca só aconteceu em Outubro de 2021. Portanto, a empresa entrou a todo gás para se estabelecer como uma marca fiável antes de começar a trabalhar em Portugal. Como mencionamos antes, a Bwin (então Bet and Win) já tinha feito uma parceria com a Liga Portugal em 2015 mas desistiu por razões já estipuladas. Além do patrocínio da Liga, a empresa austríaca tentou ser o novo naming sponsor do Sporting de Braga mas este clube decidiu manter a Betano como patrocinador principal. Aliás, a Betano tinha acordo com a Liga Portugal para se tornar o novo patrocinador da Primeira Liga. Entretanto, os cinco milhões de Euros oferecidos pela Betano foram superados pela Bwin e a parceria acabou por não acontecer. No entanto, a Betano tem parceria com 5 clubes de futebol da Primeira Liga - o campeão em título Sporting, o já mencionado Braga e o Marítimo da Madeira, além de patrocinar as mangas do Benfica e o FC Porto. Aliás, 16 das 18 equipas da Primeira Liga são patrocinadas por casas de apostas. Apenas os recém-promovidos Vizela e Arouca têm naming sponsor de outro ramo. As Casas de Apostas estão a substituir as empresas de telecomunicações e outras na frente das camisolas. Mais uma prova que apostar está a tornar-se mainstream na sociedade portuguesa.

As Casas de Apostas em Outro Desportos

Embora a maioria das apostas sejam colocadas em jogos de futebol, Portugal é um país com paixão por outros desportos. Aliás, a seleção portuguesa de futsal levou o país ao rubro depois de ter ganho o campeonato do mundo. Portanto, não é de estranhar que a liga principal seja patrocinada pelo Placard. Entretanto, no basquetebol a liga passou de Placard para a já mencionada Betclic numa altura em que um português vai jogar na NBA pela primeira vez na história: Neemias Queta nos Sacramento Kings. Outras modalidade patrocinada por uma casa de apostas é o Andebol (Placard) e a seleção portuguesa marcou presença pela primeira vez nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

O Futuro das Casas de Apostas em Portugal

Enquanto as combinações (ou acumuladoras) além do tradicional 1 X 2 continuam a ser as apostas escolhidas pelos portugueses, há todo um mundo para descobrir no mundo das apostas desportivas. No entanto, pode consultar a seção Conhecimento de Apostas para aprender mais sobre as diferentes maneiras de apostar. A frequência de anúncios televisivos e nas redes sociais a aliciar novos clientes a registarem-se numa casa de apostas significa que esta indústria está em crescimento em Portugal. Portanto, a importância de websites como Betting.com tornará-se mais evidente: um único site onde pode conseguir dicas de apostas de qualidade e comparar as odds em todas as casas de apostas fiáveis em Portugal. Além disso, haverá mais mercados em que apostar. Por exemplo: Sabia que os jogadores da NBA são mais propensos ao trabalho dentário do que a maioria dos outros atletas desta lista, porque não são obrigados a usar protecções bucais? Não, talvez possa apostar num mercado dedicado a lesões bucais no futuro, já que as casas de apostas vão precisar de aliciar novos apostadores com mercados únicos. Isto é talvez uma ideia abstrata, mas quem sabe?

Voltar ao início


Rui é um fanático de desporto que trabalha há mais de 10 anos na indústria desportiva, tanto na Inglaterra e em Portugal, portanto é fluente em português e inglês. Além de futebol, é adepto de NFL, AFL, ciclismo, ténis, dardos e até sabe as regras de cricket! Entretanto, a primeira paixão dele é mesmo o futebol, um amor que nutre desde criança já que praticou e vibrou com este desporto desde os quatro anos de idade.

Páginas populares

Artigos relacionados